Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

GOSSIP PROJECT

Reality, Fashion, Music, Food...and "The Unique Me"

GOSSIP PROJECT

Reality, Fashion, Music, Food...and "The Unique Me"

27
Mar17

Desafio 52 Semanas: Semana 9

Superfunky

Pessoas que eu gostaria de conhecer/ter conhecido:

 

1. Carla Bruni - O meu ídolo 

 

2. Julliete Lewis - A minha actriz favorita

 

3. Mark Zuckerberg - Gostaria de ter longas conversas e partilhar ideias com o mesmo.

 

4. Luke Evans - Está dito!

 

5. Jon Kortajarena - o meu modelo masculino favorito do momento.

26
Mar17

Tentei...

Superfunky

 
Eu tentei, eu esforcei-me, eu dediquei-me, tentei mais uma vez e outra… Eu pensava que existiria algo de errado comigo e frustrava-me ao tentar algo, pois achava que existia sempre algo por dizer. Eu não parecia ser aquilo que eu sou. Eu esperava que tu reconhecesses o meu esforço, o meu valor. Eu esperei uma ligação, esperei por ti, este tempo foi demasiado longo para se contar no relógio.
 
Decepção
 
Eu iludi-me, eu decepcionei-me. Doeu. Tu já alguma vez sentiste a dor da decepção? Dói tanto que dá vontade de arrancar, esfaquear, apagar o que o outro te fez, como se, em um passe de mágica, fosse possível simplesmente esquecer. Mas na vida real não é assim, e a decepção fica ali, absorvendo as todas as suas forças, e quando tu pensas que não tens mais forças, é justamente o momento em que tu te tornas mais forte.
 
E foi assim que aconteceu, a decepção ensinou-me o meu caminho para seguir em frente, sem alternativa de voltar para atrás. Enquanto eu estive muito sozinho, na minha reflexão, eu não tive outra opção, do que não me olhar para mim mesmo, e foi quando eu percebi que eu realmente não era o suficiente… eu sou mais do que eu imaginava, muito mais do que tu pensavas. Obrigada por me decepcionares. A melhor parte de tu te decepcionares com alguém, é que tu descobres que a felicidade não está naquilo que o outro te oferece, mas sim, que ela mora dentro de ti.
26
Mar17

Desafio 52 Semanas: Semana 7

Superfunky
Eu sempre...

 

Dou uma gargalhada ou um sorriso nos momentos menos próprios.

Digo aquilo que penso, mesmo quando não o deveria.

Sou perfeccionista e quando sinto que não estou a fazer um trabalho à altura da minha capacidade fico frustrado. 

Serei leal a quem me é leal

Amarei a minha mãe como não existisse outra pessoa no mundo

Pág. 1/2