Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

GOSSIP PROJECT

Reality, Fashion, Music, Food...and "The Unique Me"

GOSSIP PROJECT

Reality, Fashion, Music, Food...and "The Unique Me"

As dez tradições mais originais de fim de ano

Superfunky, 31.12.18

 
De Espanha aos Estados Unidos, passando pelo Japão e por África do Sul quase todos os países do Mundo têm algo que os caracteriza na hora de celebrar o ano novo. Conhece as dez tradições mais curiosas.
 
Em Espanha, a passagem de ano é conhecida como "Nochevieja", ou seja, "noite velha", e o costume é comer-se doze uvas ao acompanhar das doze badaladas. A origem desta tradição remonta a 1909, ano em que houve um grande excedente na produção de uvas. Contudo, segundo os especialistas na matéria, já no século XIX se encontram registos desta tradição na burguesia espanhola da época.
 
 
Nos Estados Unidos da América, a tradição de fim de ano é o conhecido "beijo da meia-noite". Se bem que ninguém sabe ao certo de onde surgiu, sabe-se que este costume deve ter a sua origem ligada aos ritos romanos do festival de "Saturnalia", que se celebrava numa época muito próxima à actual celebração de fim de ano. De acordo com registos históricos, no final deste festival dedicado à divindade de Saturno, todos se beijavam na boca como forma de celebração.
 
Em Itália, os festejos estão ligados ao consumo de lentilhas, que não pode faltar na mesa de cada italiano. Trata-se de uma tradição que já remonta ao período romano e que agora também já vai aparecendo em Espanha. Na antiga Roma, associava-se o prato de lentilhas a um um prato de moedas de ouro.
 
Na Dinamarca, não há celebração de ano novo que não inclua pratos a menos nas cozinhas deste povo do norte de Europa. A tradição é exactamente essa: partir alguns pratos de loiça na entrada do novo ano como forma de atrair a boa sorte. No entanto, existem também outras tradições neste país, como saltar do alto de uma cadeira ao passar da badalada de meia-noite.
 
Nas Filipinas, a tradição de final de ano passa por usar uma peça de roupa às bolinhas, devido à associação entre a forma circular das bolinhas e a forma das moedas. Ainda mais importante deve ser o facto de essa peça de roupa ter um bolso, no qual se guardam algumas moedas de forma a atrair outras durante todo o ano. Também as ruas do país são enfeitadas com telas desse mesmo tecido para atrair a boa sorte económica.
 
Na Escócia, a cidade de Edimburgo tem uma tradição muito especial conhecida pelo nome ancestral de "Hogmanay". Trata-se de um festival de rua animado por danças populares, música tradicional, fogos de artifício e teatro de rua, que ocorre, sobretudo, na principal rua da capital escocesa, a conhecida Royal Mile, e que se assume na forma de um cortejo, conhecido também ele como "Torchlight Procession".
 
Em Inglaterra, a tradição britânica de viver com grande pontualidade não falha. E isso verifica-se também na forma de festejar o o ano novo com a tradição chamada "First Footing", que consiste em ser o primeiro a visitar a casa dos familiares depois das doze badaladas, fazendo-se sempre acompanhar de algum tipo de presente, quer seja ele dinheiro, pão ou carvão como forma de assegurar que a sua família não tenha falta deles durante o ano que se inicia.
 
Na África do Sul, a tradição é muito similar ao Carnaval brasileiro. Chama-se "Tweede Nuwe-Jaar", que significa "segundo ano novo". Nesta festa animada e colorida, os participantes estão agrupados, tal e qual os participantes dos carnavais brasileiros. O sentido da festa é exactamente o mesmo da brasileira: música, animação, disfarces e dança.
 
No Japão, a passagem de ano coincide com uma tradição budista conhecida por "Joya No Kane", na qual soam 108 badaladas de um qualquer templo budista do país. É desta forma que os habitantes desejam o melhor para si e para os seus para o ano que se inicia, tentando desta maneira afugentar todos os 108 pecados da alma humana para o ano inteiro.
 
Para finalizar, existe uma tradição que pode ser considerada internacional, que passa por se usar uma peça de roupa interior de cor vermelha. Não importa o seu formato, tamanho ou padrão. O importante mesmo é a cor aguerrida do vermelho, que, apesar de não ter uma origem histórica confirmada, está associada à paixão e ao amor. A pessoa que a usar está a atrair a boa sorte para o amor durante todo o ano.

10 destinos incríveis na Ásia que ainda não foram descobertos pelos turistas

Superfunky, 08.07.16

De ilhas e praias a cidades e vilas, a Ásia abriga diversos destinos encantadores que ainda não foram explorados por grande parte dos turistas. Ou seja, nada lotado e nem filas para tirares fotos. Vem ver estas dicas, que são o máximo!

 

Enquanto alguns destes locais ainda são remotos, outros são mais escondidos e muitas vezes por conta disso esquecidos pelos turistas. Para aqueles que buscam os melhores lugares para visitar na Ásia longe das massas, selecionei 10 destinos must go. Vê só:

 

1. Iriomote, Japão

 

Esta ilha vai fazer com que tu te sintas na selva. Quase 90% dela ainda é muito pouco desenvolvida, coberta com densas florestas e mangues, oferecendo aos viajantes um cenário incrível! Aproveita as praias para um mergulho ou passeios de barco.

 

Foto: Shutterstock/Sam Spicer

 

2. Champasak, Laos

 

Champassak ou Champasak é uma província do Laos localizada no sudoeste do país, fazendo fronteira com a Tailândia e Camboja. Aqui tu podes ver o que sobrou do reino que costumava habitar a região a partir de edifícios coloniais que permanecem ali. Com uma grande variedade de acomodações, esta é uma boa alternativa para quem visita a lotada cidade de Pakse – turística, que fica a cerca de 30 km de distância.

 

Foto: Shutterstock/Chokniti Khongchum

 

3. Mergui, Mianmar

 

Este arquipélago, localizado na parte sul de Mianmar, é só o início de mais de 800 ilhas que abrigam praias impecáveis, com águas cristalinas que são um convite ao mergulho e a vida marinha.

 

Foto: Shutterstock/StephAndaman

 

4. Yakushima, Japão

 

Esta ilha subtropical já é explorada pelos japoneses, mas só recentemente começou a atrair a atenção de visitantes. Localizada na costa de Kyushu, Japão, a ilha, que é Patrimônio Mundial da UNESCO, abriga florestas cobertas de musgo, cheias de árvores de milhares de anos. Além disso, existe uma série de montanhas para explorar.

 

Foto: Shutterstock/Sara Winter

 

5. Nacpan, Filipinas

 

De triciclo ou motorbike tu chegas à praia de Nacpan Beach, localizada próxima de El Nido, nas Filipinas – considerado um dos lugares mais bonitos do mundo. A praia oferece várias barracas de lanche, opções básicas de hospedagem, e um saboroso restaurante local, além de céus incrivelmente nítidos, onde tu podes simplesmente observar as estrelas durante a noite.

 

Shutterstock/Dino Geromella

 

6. Hokkaido, Japão

 

A ilha mais conhecida do norte do Japão é famosa por possuir vulcões e um clima super agradável na primavera. Apesar dos resorts, aqui ainda há sossego. É possível curtir os parques nacionais e programas inusitados com observação de pássaros e vôos de balão.

 

Shutterstock/NorGal

 

7. Kratie, Cambodja

 

Os viajantes que descobrem a cidade ribeirinha de Kratie, no Cambodja, não deixam de fazer uma visita para ver os golfinhos que nadam pelo rio Irrawaddy. Além disso, é possível conhecer uma cidade calma e ter contato com uma arquitetura francesa de época e aquelas torres de casinhas chinesas. Um sonho!

 

Shutterstock/LMspencer

 

8. Nabule, Myanmar

 

Este é sem dúvida um dos segredo mais bem guardados de Myanmar: uma praia de areias douradas e cercada por grandes pedras de granito que transformam o ambiente em paraíso.

 

Foto: Facebook/Nabule Beach

 

9. Bahia de Tai Long Wan, Hong Kong

 

Popular entre os surfistas, a praia oferece vistas deslumbrantes, águas cristalinas, trilhas nas montanha e algumas das melhores ondas da região.

 

Foto: Shutterstock/Evgenia Bolyukh

 

10. Bahia de Xep, Vietname

 

O país que ficou marcado pela guerra também é um excelente destino para turismo. Para quem assistiu um dos clássicos do cinema, “Apocalipse Now”, do Coppola, viu que até os soldados norte-americanos que se comportavam como se estivessem de férias por lá.

 

Esta região calma e longe da agitação da cidade é conhecida pela pesca sendo uma pequena vila de pescadores. Ideal para quem quer curtir a praia, comer um peixe fresco e obviamente pescar. Aulas de culinária e guias levam-te para trilhas e cachoeiras que também são uma atração à parte por esta localidade.

 

Foto: Flickr/Prince Roy

As 15 fotos mais impressionantes da última semana!

Superfunky, 26.10.15

1. Os apartamentos do Rio de Janeiro começam a ter uma vista diminuída pelas favelas

 

Mario Tama / Getty

 

2. Um homem flutua para salvar um porco do tufão Koppu que provocou inundações em Santa Rosa, Filipinas

 

Bullit Marquez / AP

 

3. Um helicóptero da Guarda Nacional a combater o incêndio em Hidden Pines, Texas.

 

Rodolfo Gonzalez / AP

 

4. Um homem vestido como o Rei Demónio Ravana durante as celebrações Dussehra, Índia

 

Anupam Nath / AP

 

5. Dois bebés orangotangos que foram resgatados da mochila de traficantes em Kuala Lumpur, Malásia

 

Olivia Harris / Reuters

 

6. Devido à seca que se faz sentir na zona do rio Gridalva, uma igreja do século XVI que se encontrava submersa, agora torna-se visível.

 

 

 

7. Escultores a trabalharem no mais alto Castelo de Areia em Virginia Key Beach, Califórnia

 

Joe Raedle / Getty

 

8. Afegãos muçulmanos xiitas flagelam.se durante a procissão de Ashura em Kabul, Afeganistão

 

Omar Sobhani / Reuters

 

9. Um devoto do santuário chinês Neow perfura as bochechas com fios eléctricos para comemorar o festival anual vegetariano em Phuket, Tailândia. Os actos dulorosos dizem que são para purificar os participantes.

 

NICOLAS ASFOURI / Getty

 

10. O Sul-coreano Lee Cheon -Woo chora quando ele tornou-se uma das 90 pessoas a reunirem-se com os seus parentes norte-coreanos . Mais de 66.000 pessoas estão numa lista de espera para ver seus entes queridos.

 

The Korea Press Photographers' Association / Getty

 

11. Quinhentos StromTroopers desfilaram na muralha da China para promover o lançamento do novo filme Star Wars

 

Jason Lee / Reuters

 

12. Uma modelo apresenta a criação de Amapo Ourtono/Inverno 2016 durante São Paulo Fashion Week 

 

Andre Penner / AP

 

13. Estudantes chineses a praticarem Taichi numa escola secundária em Jiaozuo durante uma bem sucedida tentativa para entrar no Recorde Mundial do Guiness

 

China Stringer Network / Reuters

 

14. Uma menina e o seu pai a taparem-se com uma folha de bananeira enquanto nadam perto de Colon City, Panamá.

 

Carlos Jasso / Reuters

 

15. Fãs de "Back to the Future" celebram o dia em que Marty McFly viajou para o futuro.

 

Lucy Nicholson / Reuters